• Home
  • Ciência em Revista

Ciência em Revista

Memórias de Leitura

Alex Rezende Heleno

Resumo: Esse trabalho se propõe à rememoração de obras literárias lidas ao longo da minha trajetória de vida estudantil até o presente instante (2012) 2 , destacando, para tanto, as obras e momentos mais marcantes dessa formação leitora e literária. Apesar de se tratar de relato bastante pessoal, será a oportunidade para refletir acerca das leituras escolares e acerca da interação de três entidades importantes na formação do leitor/aluno: a família, a sociedade e o professor.

Palavras-chave: Ensino; leitura; literatura.

Leia o artigo completo aqui.

Do empírico ao científico a farmácia da floresta e o saber das benzedeiras do Amapá

Suane Darcielle do Espírito Santo Brazão

Resumo: 

Entrar no universo da floresta amazônica é compreender suas infinitas possibilidades de investigação científica, trata-se de uma fonte inesgotável de saber que ainda é um território desconhecido, para várias áreas do conhecimento acadêmico. Esse artigo se propõe a investigar o fazer das benzedeiras e parteiras do Amapá em suas práticas, com foco no feitio dos remédios caseiros, que compõem a “farmácia da floresta, fazendo análise bibliográfica e historiográfica, com o uso de apetrechos tecnológicos de gravação escuta com especial atenção às mulheres quilombola no exercício da função, estabelecendo análise comparativa entre o empírico e o científico. Essa iniciativa torna-se relevante por interagir com povos tradicionais de quilombolas que contribuem para manutenção da floresta de pé, na intenção de salvaguardar o saber e o fazer oriundo de benzedeiras e parteiras que correm risco de extinção no Amapá, contribuindo para etino biodiversidade, de comunidades tradicionais. 

Muitas pesquisas são realizadas acerca da Amazônia brasileira, mas dar luz a uma escrita que apresenta o ponto de vista de produção intelectual da Amazônia, é uma tarefa difícil mediante uma academia que faz distinção de um saber em detrimento de outro.

Leia o artigo inteiro aqui.

Relato Pré-Fórum de Educação e Direitos Humanos de Guarulhos na UFABC – Mesa Educação Ambiental

Profª. Drª. Graciela de Souza Oliver

Profª. Drª. Roberta Assis Maia

Francisco Guilherme Leon Oliveira

Mestranda Dione Marta de Mesquita Costa

 

Lá vem a temporada de flores
Trazendo begônias aflitas
Petúnias cansadas
Rosas malditas
Prímulas despetaladas
Margaridas sem miolo
Sempre-vivas quase mortas
E cravinas tortas
Odoratas com defeitos
E homens perfeitos


Lá vem a temporada de pássaros
Trazendo águias rasteiras
Graúnas malvadas
Pombas guerreiras
Canários pelados
Andorinhas de rapina
Sanhaços morgados
E pardais viciados
Curiós desafinados
E homens imaculados


Lá vem a temporada de peixes
Trazendo garoupas suadas
Piranhas dormentes
Sardinhas inchadas
Trutas desiludidas
Tainhas abrutalhadas
Baleias entupidas
E lagostas afogadas
Barracudas deprimentes
E homens inteligentes

(Panorama Ecológico – Erasmo Carlos)

No dia vinte e quatro de outubro de dois mil e dezenove estivemos presentes na UFABC no evento realizado pelo Curso de Educação em Direitos Humanos da UFABC, para desenvolver a temática de Educação Ambiental. Foram convidados para essa ocasião as seguintes instituições e ONGS: Movimento em Defesa da Vida do ABC; OSCIP ECOLMEIA, Instituto de Botânica/ Paranapiacaba, Fundação Florestal de São Paulo, ONG Amigos do Parque Central, Docentes do Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da UFABC e a Profa. Dra. Marta Marcondes da Universidade de São Caetano do Sul.

Leia o artigo inteiro aqui

O Ensino de Estatística nas Escolas Técnicas de São Paulo – ETC através de projetos interdisciplinares

Mestranda Jaqueline de Oliveira Costa

Profa. Dra. Vivili Maria Silva Gomes

Profa. Dra. Ana Maria Dietrich

 

RESUMO

O presente estudo tem como objetivo estimular a reflexão de práticas pedagógicas interdisciplinares aos docentes, por meio de destacar o ensino de estatística na prática educativa, focalizando essa modalidade no Ensino Profissionalizante através de utilização de metodologias ativas e o desenvolvimento de habilidades cognitivas a partir de projetos interdisciplinares. A fundamentação teórica está centrada nos aspectos socioculturais que consideram a estatística como disciplina de mesmo valor que as demais já institucionalizadas. Desse modo, dialogaremos com autores e documentos que direcionam o processo de ensino e aprendizagem de estatística em sua abrangência de significações para o aprimoramento do indivíduo como pessoa humana e sua inserção na sociedade e mercado de trabalho. Nessa proposta, iremos também analisar os currículos escolares dos cursos técnicos profissionalizantes modulares e integrado ao Ensino Médio, compreendendo a constituição do ensino profissional, dos fundamentos do currículo integrado e as possibilidades de integração curricular, a partir do ensino de estatística, destacando a importância nesta modalidade de educação.

 

Leia o artigo inteiro aqui

 

Bullying: como o ensino de Ciência pode colaborar com a prevenção e enfrentamento

Cecília de Oliveira Prado

Profa. Dra. Ana Maria Dietrich

Resumo

O bullying, presente no cotidiano de nossas escolas, pode e deve ser prevenido e enfrentado através do ensino de Ciências, assim como todos os demais componentes curriculares, agregando aos seus conteúdos próprios temas transversais que os enriqueçam e promovam reflexões que visem o estabelecimento de relações sociais mais éticas e solidárias. 

 

Leia o artigo completo aqui